Astigmatismo

Dra. Sara Lemos

Dra. Sara Lemos

Médica de Família

Publicado em 29/02/2024

O que é astigmatismo?

Ilustração simulando a melhora visual ao enxergar através de óculos.

O astigmatismo é uma imperfeição na curvatura da córnea ou do cristalino do olho (espécies de “lentes” dos olhos), que resulta em visão distorcida ou borrada em todas as distâncias.

Ao contrário de um olho com forma perfeitamente esférica, um olho com astigmatismo tem uma forma mais parecida com a de um futebol americano, o que impede que a luz se foque corretamente na retina.

Causas e Sintomas do Astigmatismo

As causas do astigmatismo são principalmente genéticas e estão relacionadas à forma única da córnea ou do cristalino.

Os sintomas incluem visão borrada ou distorcida em qualquer distância, dificuldade com a visão noturna, fadiga ocular, dores de cabeça e dificuldade em focar em textos ou objetos.

Quando buscar ajuda médica?

Se você experimentar qualquer um dos sintomas mencionados, é aconselhável consultar um oftalmologista. Um exame de vista completo pode diagnosticar o astigmatismo, juntamente com qualquer outra condição ocular que você possa ter.

Tratamento do Astigmatismo

O tratamento do astigmatismo pode incluir o uso de óculos de grau ou lentes de contato, que ajudam a compensar a curvatura irregular da córnea ou do cristalino.

Para casos em que os óculos ou as lentes de contato não são suficientes, procedimentos a laser ou outras cirurgias corretivas podem ser opções viáveis, mas apenas o oftalmologista vai pode te falar qual o melhor tratamento para você.

Prevenção e Cuidados

Embora o astigmatismo não possa ser prevenido, um diagnóstico precoce e tratamento adequado podem ajudar a gerenciar os sintomas e evitar que a condição afete negativamente sua qualidade de vida.

Avaliações regulares com um oftalmologista são essenciais para manter a saúde ocular e garantir que qualquer mudança na visão seja tratada prontamente.

Caso haja presença dos sintomas, recomendamos que o paciente consulte-se com uma das especialidades abaixo:

Entender o astigmatismo é fundamental para lidar com a condição de maneira eficaz.

Com as opções de tratamento disponíveis hoje, muitas pessoas com astigmatismo conseguem desfrutar de uma visão clara e confortável, melhorando significativamente sua qualidade de vida.

Dra. Sara Lemos

Escrito por Dra. Sara Lemos

Médica de Família

CRM-MG: 48683

Você tem uma pergunta?

Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, dirija-se a um especialista.

Pergunta

Coçar o olho com frequencia é sintoma de que?

Dra. Sara Lemos

CRM-MG: 48683

Coçar os olhos frequentemente pode ser um sintoma de diversas condições, algumas das quais incluem alergias, olho seco, contato com irritantes (como fumaça, cloro de piscinas, poluição), uso prolongado de telas, e até mesmo conjuntivite e blefarite caso esteja associado a outros sintomas. De qualquer forma, coçar os olhos frequentemente não é recomendado, pois pode danificar a superfície do olho e potencialmente agravar demais sintomas. Se a coceira nos olhos for persistente ou acompanhada de outros sintomas como vermelhidão, inchaço, dor ou secreção, é importante busca avaliação médica para determinar a causa e receber o tratamento adequado.

Ver mais

Dra. Sara Lemos

Pergunta

eu gostaria de saber se é possível usar lente de contato para astigmatismo. se sim, são aquelas lentes duras?

Dra. Sara Lemos

CRM-MG: 48683

Sim, é possível usar lentes de contato para corrigir o astigmatismo. Existem vários tipos de lentes de contato desenhadas especificamente para pessoas com astigmatismo, conhecidas como lentes tóricas. Existem tanto lentes de contato tóricas gelatinosas quanto rígidas gasosas permeáveis (RGP), também conhecidas como lentes duras. A escolha entre elas depende de vários fatores, incluindo a gravidade do astigmatismo, preferências pessoais, e recomendações do profissional de saúde ocular. É importante ter um ajuste e acompanhamento adequados para garantir o conforto, a saúde ocular e uma correção visual eficaz.

Ver mais

Dra. Sara Lemos